PENDÊNCIAS - Ex-prefeito Jailton Freitas perde direitos políticos e ainda terá que devolver quase R$ 3 milhões

Segundo a sentença do processo nº 0001048-25.2006.4.05.8401, de autoria do Ministério Público Federal, o ex-prefeito de Pendências, Jailton Barros de Freitas, e um grupo de pessoas foram condenados pela prática de atos de improbidade administrativa. Segundo o relato da acusação, os réus, sob a liderança ex-prefeito, teriam desviado verbas federais mediante a simulação de contratos para a construção de obras públicas.

Além do ex-prefeito Jailton Barros de Freitas, são condenados na ação: Wilton Barros de Freitas, Emaniel Nazareno de Medeiros, José de Arimatéia da Silva, Ezequias Nogueira da Silva, José Maria de Melo Inácio, Ione Freire Bezerra, Luiz Rodrigues Fernandes Filho, Cecília Maria de França, Eloilde Lopes do Nascimento, Gilvan Augusto de Lima, Antonio Antomar de Castro Carvalho, Carlos Antonio Ferreira de Lima, Gerlândia do Nascimento Dantas, Josafá Augusto de Lima, José Maria de Sousa e João Carlos da Silva. Jailton foi condenado à suspensão dos direitos políticos pelo prazo de dez anos, além do pagamento de multa e ressarcimento do dano no valor de R$ 2.952.282,56.
fonte: pendenciashoje.blogspot.

Nenhum comentário:

| Copyright © 2013 Blog do Teté Pendências/RN